O que é ABM Marketing e por que você deveria se importar?

Descubra o que é ABM Marketing de um jeito simples e direto. Saiba como focar nos clientes que realmente importam e como isso pode mudar seu jogo no mundo dos negócios

Amanda Doimo

9/12/20232 min read

person sitting front of laptop
person sitting front of laptop

Hoje vamos conversar sobre uma estratégia que tem dado o que falar: o ABM Marketing, ou "Account-Based Marketing". Antes que você pense, "Nossa, mais um termo complicado!", relaxa! Vamos quebrar isso de um jeito fácil de entender.

ABM Marketing em linguagem humana

Vamos começar com uma analogia. Imagine que você está pescando. A estratégia tradicional de marketing é como lançar uma rede gigante no oceano, esperando pegar qualquer coisa que passar por ela. Você pega um monte de peixes, mas a maioria não é o que você realmente queria.

Já o ABM é como pescar com uma vara e uma isca específica para pegar um tipo de peixe que você já sabe que é valioso para você. Você identifica o peixe que quer (ou a empresa, no caso), estuda tudo sobre ele e, então, faz de tudo para pegá-lo.

Em outras palavras, ao invés de tentar atrair um monte de clientes potenciais e ver quem morde a isca, no ABM você escolhe seus clientes "ideais" primeiro e depois cria campanhas super focadas para conquistá-los.

Por que isso é legal?

  1. Mais foco, menos desperdício: Você gasta seu tempo e recursos apenas nas empresas que têm maior chance de realmente se tornarem clientes.

  2. Relacionamento mais forte: Como você se concentra mais em menos contas, tem mais tempo para conhecer cada uma delas, criando um relacionamento mais próximo e forte.

  3. Resultados mensuráveis: Fica mais fácil medir o sucesso quando você tem um objetivo claro e um grupo menor para observar.

Parece bom, mas é para todo mundo?

Não, definitivamente não é uma estratégia para todos. Se você tem um negócio que vende produtos de baixo valor para um grande número de pessoas, talvez o ABM não seja para você. Mas se você trabalha com vendas B2B, onde cada cliente pode valer muito, pode ser um fator decisor.

Como começar

  1. Identifique seus "peixes": Quem são as empresas que você realmente quer como clientes?

  2. Estude-os: O que eles precisam? Como você pode resolver os problemas deles?

  3. Planeje e execute: Crie campanhas personalizadas para essas empresas, usando o que você aprendeu na sua pesquisa.

  4. Avalie e ajuste: Depois de um tempo, veja o que funcionou e o que não funcionou, e ajuste sua abordagem para melhorar.

E aí, ficou mais claro o que é ABM Marketing e como ele pode ser útil para você?

Lembre-se, aqui na Comunicamídia, nosso lema é levar o marketing sem mimimi. Então, se você quiser saber mais sobre ABM ou qualquer outra estratégia, é só chamar!

Espero que este post tenha sido útil e até a próxima! 😊